O voluntariado pode ajudar a reduzir custos previdenciários da sua empresa?

Sabemos que o voluntariado empresarial traz benefícios para todos os envolvidos: as comunidades, os voluntários e as próprias empresas.  Neste post, quero explorar como a saúde dos funcionários pode ser impactada pela atividade voluntária e quais oportunidades gestores podem ter ao usar tais impactos para fortalecer seus programas de voluntariado empresarial. Falando de benefícios Os benefícios do altruísmo – tão claros para quem o pratica – têm sido, cada vez mais, reconhecidos pela ciência.  Um estudo comandado pelo neurocientista brasileiro Jorge Moll Neto, pesquisador dos Institutos Nacionais de Saúde dos Estados Unidos, mostrou que fazer uma boa ação é biologicamente prazeroso, assim como comer chocolate, fazer sexo, ganhar dinheiro ou consumir drogas.  Segundo a pesquisa, ao fazerem o bem, as […]

Continuar lendo


Seu Programa de Voluntariado está realmente contribuindo com a comunidade?

Por Flávio Seixas* Nossas atitudes nos definem, para além das nossas palavras e vontades. Porém, quanto mais conscientes estamos das crenças que nos movem, e também daquilo que move os que estão ao nosso redor, maior a probabilidade de sermos assertivos e encontrarmos resultados em nossas ações. Quando se trata de empreender intervenções sociais de qualquer natureza é imprescindível entender qual o nosso propósito, e também levar em conta as necessidades e potencialidades daqueles que estarão conosco nesta jornada, seja como beneficiários ou parceiros. A atitude necessária para cruzar o limiar desta tomada de consciência é a abertura para o novo, onde suspendemos temporariamente nossas certezas, julgamentos, análises e nos concentramos em ouvir e entender aqueles que estão a nossa […]

Continuar lendo


Como planejar a sensibilização e mobilização de voluntários

Um bom planejamento é sempre o alicerce ao qual indicamos recorrer durante a gestão do programa de voluntariado. Nele devem conter as diretrizes a serem seguidas, as ações a serem realizadas e em quanto tempo, além dos resultados que se deseja alcançar. Dentre as atividades previstas num plano de voluntariado, está a mobilização de voluntários. E esse post fala sobre isso: como planejar campanhas para engajar voluntários. Este post é o primeiro de uma série sobre gestão de voluntariado adaptada do projeto VolunCET, do qual participo através da Confederação Portuguesa do Voluntariado. Trata-se de um curso de formação online que está disponível em seis línguas europeias – Alemão, Espanhol, Inglês, Italiano, Português e Polaco, Cofinanciado pelo Programa Erasmus+ da União Europeia e […]

Continuar lendo


Como o voluntariado pode contribuir para uma cultura política mais participativa

Por *Marcela Marchi Você já parou para pensar o que o voluntariado tem a ver com a política? Bom, na minha visão, praticamente tudo. O voluntariado nasceu da intenção de se ajudar algo ou alguém em uma situação vulnerável. Ainda que nos seus primórdios o voluntariado tenha sido baseado no assistencialismo e inspirado principalmente em princípios religiosos, por muitas vezes acabou por auxiliar o Estado no exercício de suas funções, seja diminuindo a miséria, distribuindo recursos ou amenizando implicações de situações extremas como a falta de comida ou água. E como fenômeno mais recente, as empresas também começaram a participar mais ativamente de ações sociais, ambientais, culturais e políticas, sendo hoje em dia também grandes agentes na promoção do voluntariado. […]

Continuar lendo


Evite armadilhas na gestão do Programa de Voluntariado

Por Giuliana Preziosi* Realizar ações de voluntariado envolve pessoas e o complexo mundo das relações humanas. Quando falamos de voluntariado empresarial, adicionamos mais um elemento na equação: a empresa, que apesar de ser uma pessoa jurídica é feita de pessoas e possui interesses próprios. Qualquer programa de voluntariado empresarial para ser bem sucedido deve atentar para os interesses e necessidades dos 3 principais atores envolvidos neste contexto: a empresa, o funcionário e a comunidade; o grande desafio é encontrar uma relação de equilíbrio entre eles. Mas isso não é muito simples, pois estamos em constante transformação, seja ela interna ou externa. O meio influencia a gente e a gente influencia o meio, de forma positiva ou negativa. Como levar tudo […]

Continuar lendo


As 5 etapas de um Programa de Voluntariado

Já foi o tempo em que tínhamos carga horária disponível para reinventar a roda dentro das organizações. Sabemos que um bom gestor em um contexto pluritarefas precisar fazer e acontecer milagres, muitas vezes em “EUquipes”, certo? Para ajudar na sua missão, criamos esse tutorial com os conteúdos em 5 etapas estruturantes. São elas: Planejamento; Mobilização de voluntários e comunicação; Capacitação de voluntários; Reconhecimento; Avaliação. Esse post é um guia de como o nosso blog pode te ajudar com seu programa de voluntariado em todas as etapas de gestão, do planejamento à avaliação. Acompanhe como nós fizemos isso ao separamos o conteúdo em 5 etapas, e não use com moderação. 1) Planejamento de um programa de voluntariado Existem alguns modelos de […]

Continuar lendo


Como e por que alinhar o Voluntariado ao seu negócio

As iniciativas de voluntariado empresarial tendem a se alinhar cada vez mais ao negócio em consonância com a trilha já tomada pelo Investimento Social Privado. Essa escolha ganha força na medida em que as empresas repensam o seu papel social em aderência aos desafios econômicos impostos: sua sobrevivência e sucesso prescindem da reinvenção na forma de fazer as coisas.   4 maneiras de alinhar o Voluntariado ao negócio: Para o voluntariado, as sinergias com o negócio mais comuns estão relacionadas às áreas de Gestão de Pessoas e de Sustentabilidade. Mas aqui, a dica é que nesse momento o “tal” alinhamento seja considerado em suas múltiplas perspectivas: 1) Alinhamento Estratégico Quando o programa se enquadra e é criado para dar respostas […]

Continuar lendo


Parcerias pelo Voluntariado – usando a antroposofia para gerar relações de qualidade

Em um Programa de Voluntariado é comum o jargão “juntos somos mais fortes”. Essa máxima vale não só para pessoas atuando em grupo, mas também para organizações. Neste post, vou explorar algumas maneiras de pensar parcerias de qualidade através da Antroposofia – um nome estranho que reflete um conceito simples. A Antroposofia nos oferece uma visão integrada do ser humano e das organizações. Nessa ótica há um conceito chamado “quadrimembração” (oi?) e é com essa introdução com palavras difíceis que anuncio esse post organizado para facilitar sua vida (sim!) e criar insights sobre formas de realizar ações voluntárias em parceria com outras empresas. Como identificar essas oportunidades? Leia abaixo. Em primeiro lugar vamos começar com a imagem abaixo: Que na […]

Continuar lendo


“Ajudar” X “Pertencer”- por que a postura do voluntário faz toda diferença no resultado da ação

ajudar x pertencer

Recentemente, li este artigo do Chris Jarvis (um dos maiores especialistas em Voluntariado Corporativo nos EUA) que lista três tendências do Voluntariado Empresarial no mundo. No texto, ele fala sobre a evolução das ações de impacto pontual a movimentos contínuos, de transição de mera participação coadjuvante ao protagonismo e da mudança de conceitos de “ajudar” para “pertencer”. Todos esses conceitos são interessantes e certamente relevantes, mas gostaria de trazer uma reflexão principalmente sobre o terceiro ponto: as diferenças entre “ajudar” X “pertencer”. Breve introdução: por que Pertencer é mais transformador do que Ajudar Para nortear a conversa, começo trazendo aqui um trecho do texto do Jarvis: Em um modelo transacional de voluntariado e doação, as pessoas usam termos como “ajudar” ou […]

Continuar lendo


Benefícios do Voluntariado: como usá-los para afastar os principais tabus

benefícios voluntariado empresarial

Um programa de voluntariado corporativo bem estruturado pode trazer inúmeros benefícios internos e externos. A questão é quando surgem crenças e discursos inviabilizadores, frutos do ambiente organizacional. Nesse post vou dar dicas de como argumentar sobre as forças e percepção de valor do voluntariado, desmistificando alguns tabus que possam pairar dentro da sua empresa. Já sentiu essa necessidade antes? Então, vamos ao conteúdo: Time mais forte, resultados mais significativos. Tabu 1: “Se libero meu funcionário para o voluntariado durante o horário de expediente, perco tempo em horas preciosas de trabalho na minha equipe.” (a fala do gestor na operação da empresa). Raramente um colaborador que se dispõe a ser voluntário da sua empresa é do tipo “baixa produtividade”. Em geral […]

Continuar lendo