Voluntariado Corporativo no mundo: conheça a pesquisa realizada pela Fundação Itaú Social

O voluntário é reconhecido como agente de transformação, fazendo a ponte e qualificando a atuação social da empresa nos locais em que está presente Por Claudia Sintoni* “O voluntariado me fez aprender habilidades humanas, como paciência, perseverança, trabalhar e nunca desistir, fazer incansáveis esforços. ” Com essa citação de Rishi Banshiwal abrimos esse artigo para dar destaque à alguns aspectos importantes do “Estudo sobre Voluntariado Corporativo Empresarial no Mundo”, finalizado em 2018 pelo Itaú Social. Algumas mudanças na história As empresas hoje estão mais preocupadas com os impactos internos na corporação e com a aquisição de habilidades de seus funcionários. Há cerca de cinco anos, estavam preocupadas em alinhar seus programas de voluntariado aos objetivos de negócio. Essa foi uma […]

Continuar lendo


5 benefícios que o Voluntariado traz para sua empresa

Nem sempre é fácil convencer as lideranças de uma empresa a investir em um Programa de Voluntariado. Provavelmente seus superiores estão preocupados com números, produtividade e desempenho – e eles estão certos. No entanto, mais certos ainda estarão se conseguirem perceber que a responsabilidade e a transformação social são impulsionadoras dos propósitos da empresa. No meio de tantas cobranças, ou ‘no olho do furacão do mercado’, contentrar-se apenas resultados de curto prazo é como sufocar-se diariamente até a própria falência/extinção. Então, que tal mostrar aos seus superiores que operar com sustentabilidade oxigena os negócios e os contextos em que ele opera? Aqui vão 5 argumentos que mostram como um programa de voluntariado contribui não só para a prosperidade de uma […]

Continuar lendo


Censo CBVE 2018 – Uma fotografia do Voluntariado Empresarial no Brasil

O Conselho Brasileiro de Voluntariado Empresarial lançou no segundo semestre de 2019 o Censo 2018. Com o propósito de fomentar e apresentar o voluntariado empresarial no Brasil, o CBVE, de forma bianual, produz o seu Censo, e eu dei uma olhadinha na edição recém lançada e separei algumas informações. Confira nesse post. Os Censos do CBVE O Censo CBVE representa uma visão do voluntariado empresarial com base nas entidades que compõe esse Conselho, de maneira a formar “uma rede que reúne empresas, confederações, institutos e fundações empresariais. É independente, apartidário que, respeitando a diversidade, dirige suas atividades para a promoção e o desenvolvimento do voluntariado empresarial”. Ao todo, são 17 associados, organizações de grande porte, sendo dessas 41% tem abrangência […]

Continuar lendo


Como estimular o trabalho em rede no Voluntariado Empresarial

 “Se queres ir depressa, vai sozinho. Se queres ir longe, vai em grupo.” (Provérbio Africano). Por que razão as organizações necessitam de trabalhar de forma colaborativa? Esse post é o último da série de posts da série VolunCET, um curso de formação online disponível em seis línguas – Alemão, Espanhol, Inglês, Italiano, Português e Polaco, produzido e cofinanciado pelo Programa Erasmus+ da União Europeia e alguns parceiros, dentre eles a Confederação Portuguesa do Voluntariado a CPV. Mensalmente fizemos uma resenha com dicas dos conteúdos de todos os seus módulos e alguns dos seus capítulos. Você agora já pode acessar a sequência completa: Conteúdo 1: Como planejar a sensibilização e mobilização de voluntários Conteúdo 2: Saiba o que é importante na hora de fazer […]

Continuar lendo


Caridade e filantropia: entenda os conceitos e a relação com voluntariado

Nesse post aproveito um pouco dos conhecimentos que tenho sistematizado aqui para o meu mestrado sobre voluntariado, em Lisboa. Dessa vez não se tratam de dicas práticas, mas de alguma reflexão sobre palavras que fazem parte do seu dia a dia no campo das ações sociais empreendidas pelas empresas privadas. Acompanhe comigo e ao final não deixe de partilhar suas percepções nos comentários. Um gestor de um programa de voluntariado corporativo vez ou outra precisa fundamentar as suas propostas de ação, interna ou externamente, de acordo com o potencial transformador que deseja para a sua iniciativa. O problema aqui é que em nosso ciclo profissional “todo mundo entende de voluntariado”, e fica muito fácil se submeter a propostas de parceiros […]

Continuar lendo


O voluntariado pode ajudar a reduzir custos previdenciários da sua empresa?

Sabemos que o voluntariado empresarial traz benefícios para todos os envolvidos: as comunidades, os voluntários e as próprias empresas.  Neste post, quero explorar como a saúde dos funcionários pode ser impactada pela atividade voluntária e quais oportunidades gestores podem ter ao usar tais impactos para fortalecer seus programas de voluntariado empresarial. Falando de benefícios Os benefícios do altruísmo – tão claros para quem o pratica – têm sido, cada vez mais, reconhecidos pela ciência.  Um estudo comandado pelo neurocientista brasileiro Jorge Moll Neto, pesquisador dos Institutos Nacionais de Saúde dos Estados Unidos, mostrou que fazer uma boa ação é biologicamente prazeroso, assim como comer chocolate, fazer sexo, ganhar dinheiro ou consumir drogas.  Segundo a pesquisa, ao fazerem o bem, as […]

Continuar lendo


Seu Programa de Voluntariado está realmente contribuindo com a comunidade?

Por Flávio Seixas* Nossas atitudes nos definem, para além das nossas palavras e vontades. Porém, quanto mais conscientes estamos das crenças que nos movem, e também daquilo que move os que estão ao nosso redor, maior a probabilidade de sermos assertivos e encontrarmos resultados em nossas ações. Quando se trata de empreender intervenções sociais de qualquer natureza é imprescindível entender qual o nosso propósito, e também levar em conta as necessidades e potencialidades daqueles que estarão conosco nesta jornada, seja como beneficiários ou parceiros. A atitude necessária para cruzar o limiar desta tomada de consciência é a abertura para o novo, onde suspendemos temporariamente nossas certezas, julgamentos, análises e nos concentramos em ouvir e entender aqueles que estão a nossa […]

Continuar lendo


Como planejar a sensibilização e mobilização de voluntários

Um bom planejamento é sempre o alicerce ao qual indicamos recorrer durante a gestão do programa de voluntariado. Nele devem conter as diretrizes a serem seguidas, as ações a serem realizadas e em quanto tempo, além dos resultados que se deseja alcançar. Dentre as atividades previstas num plano de voluntariado, está a mobilização de voluntários. E esse post fala sobre isso: como planejar campanhas para engajar voluntários. Este post é o primeiro de uma série sobre gestão de voluntariado adaptada do projeto VolunCET, do qual participo através da Confederação Portuguesa do Voluntariado. Trata-se de um curso de formação online que está disponível em seis línguas europeias – Alemão, Espanhol, Inglês, Italiano, Português e Polaco, Cofinanciado pelo Programa Erasmus+ da União Europeia e […]

Continuar lendo


Como o voluntariado pode contribuir para uma cultura política mais participativa

Por *Marcela Marchi Você já parou para pensar o que o voluntariado tem a ver com a política? Bom, na minha visão, praticamente tudo. O voluntariado nasceu da intenção de se ajudar algo ou alguém em uma situação vulnerável. Ainda que nos seus primórdios o voluntariado tenha sido baseado no assistencialismo e inspirado principalmente em princípios religiosos, por muitas vezes acabou por auxiliar o Estado no exercício de suas funções, seja diminuindo a miséria, distribuindo recursos ou amenizando implicações de situações extremas como a falta de comida ou água. E como fenômeno mais recente, as empresas também começaram a participar mais ativamente de ações sociais, ambientais, culturais e políticas, sendo hoje em dia também grandes agentes na promoção do voluntariado. […]

Continuar lendo


Evite armadilhas na gestão do Programa de Voluntariado

Por Giuliana Preziosi* Realizar ações de voluntariado envolve pessoas e o complexo mundo das relações humanas. Quando falamos de voluntariado empresarial, adicionamos mais um elemento na equação: a empresa, que apesar de ser uma pessoa jurídica é feita de pessoas e possui interesses próprios. Qualquer programa de voluntariado empresarial para ser bem sucedido deve atentar para os interesses e necessidades dos 3 principais atores envolvidos neste contexto: a empresa, o funcionário e a comunidade; o grande desafio é encontrar uma relação de equilíbrio entre eles. Mas isso não é muito simples, pois estamos em constante transformação, seja ela interna ou externa. O meio influencia a gente e a gente influencia o meio, de forma positiva ou negativa. Como levar tudo […]

Continuar lendo