Retrospectiva do bem: 5 notícias de 2017 que vão te inspirar

Fim de ano, momento de fazer um balanço do que passou. Nem tudo foi bom, certo? Mas para te animar, preparamos uma retrospectiva do bem com notícias que vão te fazer acreditar nas pessoas e num mundo melhor para iniciar 2018 cheio de esperança e com vontade de fazer o bem.

1) Menino troca Xbox por cobertores para pessoas em situação de rua

Mikah Frye tem 9 anos e mora em Ohio, nos Estados Unidos. Há alguns anos, sua família passou por dificuldades e perdeu a casa, tendo que morar em um abrigo. Ou seja, Mikah sabe o que é ficar sem um lar. Nesse natal, com as coisas melhores, Mikah poderia ganhar do “papai noel” um Xbox, que ele tanto queria. Mas ele decidiu pegar o dinheiro e comprar 60 cobertores para serem distribuídos para as pessoas em situação de rua que estão sofrendo com o inverno de sua cidade.

Para a surpresa de Mikah, a Microsoft, produtora do Xbox, ficou sabendo do gesto generoso do menino e preparou uma surpresa: ele foi levado ao fundo de uma grande loja famosa da cidade onde um papai noel o esperava com vários presentes, incluindo o Xbox.

retrospectiva

Fonte da notícia: Estadão

2) Ex-alunos fazem campanha para pagar dívida de professor aposentado

retrospectiva

Mauricio Barros tem 82 anos e manteve por quase 20 anos um cursinho pré-vestibular em Petrópolis, na região serrana do Rio de Janeiro. Por conta de dificuldades financeiras, há 2 anos o professor precisou fechar o cursinho e se afastar das salas de aula, o que ele sente muita falta. Ele conta que  mesmo com a inadimplência de muitos alunos, nunca se importou em dar bolsas e mais bolsas de estudo, além de destinar parte de seu tempo para aulas particulares de graça. Para ele, realizar o sonho dos alunos era o mais importante de tudo. O professor ficou conhecido por pagar lanche e até passagem para os alunos poderem estudar.

Tamanha dedicação resultou em gratidão dos seus ex-alunos. Hoje formados e com carreira consolidada, os antigos pupilos de Mauricio criaram uma campanha com vaquinha online para arrecadar fundos para pagar as dívidas dele. Eles querem que Maurício tenha uma vida digna e sugerem nas redes sociais que as pessoas reflitam sobre o “quanto vale um professor”.

Fonte: G1

3) Universitários transformam crianças com deficiência em super heróis

Para revelar a força interior de crianças com deficiência, um grupo de universitários da Unifei (Universidade Federal de Itajubá) transformou os alunos de uma escola pública do sul de Minas Gerais em seus super-heróis favoritos, criando uma verdadeira Liga da Justiça. O projeto batizado de “Happyxel” foi inspirado no trabalho do fotógrafo norte-americano Josh Rossi, que fez a transformação com crianças com doenças graves em fase terminal.

“A ideia foi replicar essa proposta com crianças com deficiências, para que elas nunca se sintam diminuídas por isso”, disse Cleber Gonçalves Jr., professor da universidade, que foi convidado pelos alunos a fazer parte da equipe. A escolhida foi a Escola Estadual de Educação Especial Novo Tempo, em Itajubá (MG), onde 90% dos alunos possuem algum tipo de deficiência. São crianças de 6 a 12 anos com deficiências intelectuais, autismo, hiperatividade, deficiência no processamento de informações, deficiência auditiva e síndrome de Down.

retrospectiva

Fonte: Uol

4) Ex-alunos se reencontram após 40 anos para promover um mutirão de limpeza na escola em que estudaram

retrospectiva

Um grupo de ex-alunos se reencontrou após 40 anos, para fazer um mutirão no Colégio Estadual Olavo Bilac, em Goiânia (GO). A turma estudou na instituição em 1977, e, graças à iniciativa da aposentada Patrícia Mendonça, voltou para fazer a limpeza do local, ajudar na pintura de paredes e melhorar a aparência da escola. Patrícia conta que a ideia surgiu quando ela precisou ir até a escola buscar um documento. Ela afirma que, em meio à saudade da época em que estudou no local, surgiu o desejo de contribuir para que o espaço, desgastado pelo tempo, se tornasse um ambiente melhor para quem estuda atualmente. Assim, ela procurou ex-colegas que começaram a se mobilizar.

Foi feita a limpeza dos espaços, roçagem dos gramados dos jardins e canteiros, poda de galhos e na pintura das salas de aula. Diante da iniciativa do grupo, a diretora da instituição, Ana Catarina de Araújo, conta que ficou emocionada: “eles chegaram e falaram assim ‘eu sou da escola e vim aqui retribuir o que o colégio fez por mim’, isso nos impactou muito, nos emocionou, porque é algo inédito”, comemorou a diretora.

Fonte: G1

5) Barbeiro que oferece serviços gratuitos a pessoas sem condições ganha barbearia

Brennon Jones, de 29 anos, mora na cidade de Philadelphia, nos Estados Unidos. Ele oferece gratuitamente seus serviços de corte de cabelo e barba nas ruas da cidade de maneira gratuita para pessoas em situação de rua. Cumprindo a “missão diária de espalhar o amor” através de seu projeto Haircut for Homeless (“Corte de cabelo para pessoas em situação de rua”), ele arma sua cadeira no meio da rua para cortar até 20 cabelos em um dia – mesmo estando ele mesmo, até recentemente, sem um local apropriado para trabalhar.

Por isso, com a aproximação do inverno, Jones sabia que teria de deixar seu projeto comunitário em suspenso – até que alguém resolveu retribuir sua generosidade. Um homem chamado Sean Johnson, depois de conhecer o trabalho de Jones, e principalmente sua relação com a comunidade, decidiu simplesmente lhe dar uma barbearia reformada. E, como não poderia deixar de ser, Jones segue oferecendo cortes gratuitos para quem mais precisa – agora com uma refeição incluída. “Para nós é somente um corte de cabelo, mas para eles é muito mais. É a própria autoestima”, ele diz.

retrospectiva

Fonte: Hypeness

Esperamos que essas notícias te ajudem a ter esperança num mundo melhor e te inspirem a construí-lo.

Nós do V2V agradecemos sua presença aqui no blog nesse ano e desejamos boas festas e um 2018 incrível! 🙂

(Visited 173 times, 1 visits today)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.