O potencial do Voluntariado em pequenas empresas

Para o mês de julho, a Consultora em Sustentabilidade e Responsabilidade Social e minha primeira professora de Voluntariado Empresarial, Danusa Coutinho, me convidou para uma conversa muito interessante. Trata-se de uma oportunidade de dialogar sobre o voluntariado no contexto das micro, pequenas e médias empresas. Por isso decidi que, em co-autoria com ela, seria bacana falar um pouco sobre esse assunto aqui no blog também, e assim, reunirmos juntos algumas informações que nos tragam luz sobre esse assunto. Um estranhamento inicial Confesso que inicialmente, no meu processo de aprendizagem, questionei e combati bastante a ideia de “empresas explorarem mão de obra gratuita de seus colaboradores para operacionalizar sua Responsabilidade Social” – assim fiz a leitura sobre voluntariado, quando tive o […]

Continuar lendo


Case Vallourec: o diálogo com a comunidade faz a diferença no voluntariado

O Case de hoje é sobre como o envolvimento voluntário com comunidades do entorno melhora as relações de proximidade da empresa com a comunidade. Esse tipo elo é mais desenvolvido por indústrias, devido aos laços que  geram com os territórios nos quais se instalam. Entretanto, essa estratégia pode obviamente ser desenvolvida em qualquer negócio. A Vallourec sabe muito bem disso, e lá pelas terras de Minas (ê saudade!), em Piedade do Paraopeba – Brumadinho, nos conta um caso interessante de relacionamento local bem cuidado. Projeto Voluntários Do Saber O projeto Voluntários do Saber, desenvolvido pela Vallourec, tem como objetivo potencializar as ações sociais que a empresa realiza, por meio do seu ativo mais valioso, o capital humano. “Desde 2013 o […]

Continuar lendo


Seu Programa de Voluntariado está realmente contribuindo com a comunidade?

Por Flávio Seixas* Nossas atitudes nos definem, para além das nossas palavras e vontades. Porém, quanto mais conscientes estamos das crenças que nos movem, e também daquilo que move os que estão ao nosso redor, maior a probabilidade de sermos assertivos e encontrarmos resultados em nossas ações. Quando se trata de empreender intervenções sociais de qualquer natureza é imprescindível entender qual o nosso propósito, e também levar em conta as necessidades e potencialidades daqueles que estarão conosco nesta jornada, seja como beneficiários ou parceiros. A atitude necessária para cruzar o limiar desta tomada de consciência é a abertura para o novo, onde suspendemos temporariamente nossas certezas, julgamentos, análises e nos concentramos em ouvir e entender aqueles que estão a nossa […]

Continuar lendo