Saiba o que é importante na hora de fazer a formação inicial dos voluntários

Para ter voluntários que cumpram os objetivos do programa, a empresa deve oferecer capacitação. Uma orientação inicial, antes de ir a campo, faz o time conhecer as metas a cumprir e saber como alcança-las, observando as politicas e os procedimentos, se inteirando ou fazendo parte planejamento, das divisões de tarefas e dos cuidados na interlocução com a comunidade ou instituição parceira. Este post é o segundo de uma série sobre gestão de voluntariado adaptada do projeto VolunCET, que é um curso de formação online disponível em seis línguas – Alemão, Espanhol, Inglês, Italiano, Português e Polaco, produzido e cofinanciado pelo Programa Erasmus+ da União Europeia e alguns parceiros. Uma vez por mês estamos compartilhando parte deste conteúdo aqui no nosso blog, em […]

Continuar lendo


Sugestão de ação voluntária: os heróis nacionais e suas histórias

Heróis nacionais são construídos por versões da história ensinadas formalmente nas escolas, ou informalmente, quase sempre oralmente, entre gerações. Tradição, cultura, identidade e autoestima de um povo, dentre outras palavrinhas desse tipo, sofrem interferências intencionais (ou não) do conjunto de heróis e seus feitos que são propagados ou inventados. Heróis? Mas espera: por que não heroínas? Heróis quase sempre são representações arquetípicas dos representantes de uma história contada por vencedores e seus inimigos. A historiografia está cheia desses casos, e mártires e mitos estão espalhados entre bustos, pinturas e páginas, quase sempre homens, brancos, de descendência europeia. Mas qual história se quer contar? Pensando em transcender estes estereótipos, a ideia desta ação nasceu a partir da figura de Tiradentes, líder […]

Continuar lendo


Como planejar a sensibilização e mobilização de voluntários

Um bom planejamento é sempre o alicerce ao qual indicamos recorrer durante a gestão do programa de voluntariado. Nele devem conter as diretrizes a serem seguidas, as ações a serem realizadas e em quanto tempo, além dos resultados que se deseja alcançar. Dentre as atividades previstas num plano de voluntariado, está a mobilização de voluntários. E esse post fala sobre isso: como planejar campanhas para engajar voluntários. Este post é o primeiro de uma série sobre gestão de voluntariado adaptada do projeto VolunCET, do qual participo através da Confederação Portuguesa do Voluntariado. Trata-se de um curso de formação online que está disponível em seis línguas europeias – Alemão, Espanhol, Inglês, Italiano, Português e Polaco, Cofinanciado pelo Programa Erasmus+ da União Europeia e […]

Continuar lendo


Duas campanhas contra o câncer para se engajar em fevereiro

Os dias 04 e 15 de Fevereiro são respectivamente O Dia Mundial Contra o Câncer, e o Dia Internacional de Luta Contra o Câncer na Infância. No post de hoje vamos falar dessas campanhas que podem ser perfeitamente adaptadas para o seu programa de voluntariado. Se você decidir incentivar ou apoiar Instituições que trabalham no atendimento à pessoas com câncer, ou abordar o assunto dentro da sua empresa, esse artigo pode te ajudar muito. 04 de fevereiro –  Dia Mundial Contra o Câncer O Dia Mundial do Câncer nasceu em 4 de fevereiro de 2000 na Cúpula Mundial do Câncer de Paris. A Carta de Paris visa: promover a pesquisa, prevenir o câncer, melhorar os serviços aos pacientes, conscientizar e […]

Continuar lendo


3 passos para montar um calendário de ações voluntárias para 2019

Já estamos quase em fevereiro e se você ainda não tem um planejamento das ações voluntárias que irá promover no decorrer do ano, esse post pode te ajudar muito. Programar o que será feito em um calendário anual te ajuda a ter uma visão segura e macro do seu trabalho, e garantir que tudo ocorra da melhor forma possível. O ano está cheio de marcos e datas comemorativas que ajudarão a dar ritmo e conexão ao seu projeto de voluntariado. Além de saber como e quando as etapas de gestão ocorrerão em 2019, é necessário definir e comunicar aos voluntários e parceiros quais e quando cada ação irá acontecer. Para facilitar, adiciono aqui um checklist de simples execução. Passo a […]

Continuar lendo


Por que se preocupar mais com engajamento do que com participação?

No post da semana passada falei um pouco sobre como algumas empresas empregam a lei do voluntariado. Nele, ao abordar o assunto sobre “saber engajar colaboradores” me lembrei desse texto da Realized Worth, escrito pelo Chris Jarvis, chamado Participation Rates and the Perils of Conformity (Taxas de Participação e os Riscos da Conformidade), que achei muito intrigante e cujos principais pontos traduzi abaixo. Espero que gostem! Estou aqui curioso para saber com o que vão concordar ou discordar! Ou minimamente dizer: ual! Será que isso acontece? 1. Por que a participação é importante? Entre as equipes de RSE e de Investimento Social Privado, a medida mais importante de sucesso para programas de filantropia (arrecadações diversas) e de voluntariado versa tipicamente […]

Continuar lendo


Lei do Voluntariado: como utilizá-la em seu programa corporativo

“O que você gostaria de ver contemplado na Lei do Voluntariado?” Ousei fazer essa pergunta “rebuscada” sobre leis em plena correria de fim de ano, e algumas pessoas ainda mais ousadas me responderam. Esse post serve para você pensar sobre o respaldo legal que gira em torno do voluntariado corporativo, e, assim, anotadinho, num cantinho da sua “torre de comando”, retomar o assunto nesse primeiro trimestre do ano novo. A Lei do Voluntariado (Lei 9.608/98 publicada em 19/02/1998) dispõe sobre as condições de exercício do trabalho voluntário, basicamente com o objetivo de distinguir o contrato de emprego assalariado daquele contrato ou acordo de serviços voluntários. Em seus 5 artigos, a lei pretende, assim, resguardar a instituição que recebe voluntários, com […]

Continuar lendo


Conheça o Troféu Português do Voluntariado e um pouquinho do voluntariado em Portugal

Hoje quero compartilhar uma experiência fora do Brasil, e trata-se da 10ª Edição do Troféu Português do Voluntariado. A ideia aqui é contar um pouco sobre essa iniciativa da Confederação Portuguesa do Voluntariado, e dos projetos que foram reconhecidos na ocasião, no último 04 de dezembro. Esse post é também para contar um pouco como tem sido minha experiência no campo do voluntariado aqui em Lisboa. Vamos passear? Não perca esse bonde… A Confederação Portuguesa do Voluntariado (CPV) foi constituída a 19 de janeiro de 2007, e tem como como finalidade “representar os voluntários de Portugal e as respectivas organizações, quaisquer que sejam os seus domínios de atividade, e contribuir para a defesa dos respectivos direitos e interesses. Fazem parte dos […]

Continuar lendo


O que fazer para manter o voluntariado um divergente positivo na reta final de 2018?

Essa é a semana do Dia Internacional dos Voluntários. E no mês de novembro em nosso blog falamos de forma ampla em como realizar uma celebração engajada para o Dia Internacional do Voluntariado, citando desde exemplos mais simples até ações que precisavam de um pouco mais de estruturação, para que você, enquanto gestor de um programa de voluntariado, pudesse se inspirar e organizar algo na sua empresa. O post em referência, foi inteiramente pautado pelo chassi dos 17 ODS e se você não viu, pode ir lá dar uma conferida. E hoje, qual o estado do voluntariado na sua empresa nesse final de 2018? Como ficaram as ações de engajamento depois das convulsões geradas pelo recente processo eleitoral? Ainda numa […]

Continuar lendo


Fórmulas e reflexões: um tour sobre o planejamento de programas de voluntariado

Planejar, planejar e planejar! Essa é uma das melhores fórmulas para garantir que o seu programa de voluntariado funcione com o menor número de imprevistos e riscos no ano que vem, mas também de alcançar os resultados de forma mais eficiente e eficaz. – Mas que resultados? E eficiência? Eficácia? – Esse será um post em “administrês”, Bruno? Antes que desista de embarcar, acho melhor se lembrar que um bom planejamento poderá te garantir uma vida mais tranquila em 2019, ou pelo menos novos amigos. Por isso sugiro respirar, pegar seu snorkel, e mergulhar comigo. Barquinho em mar bravo: vale navegar sem rumo? Certamente após a frase “vida tranquila” o leitor resolveu ficar por aqui e acalmou a respiração. Porque […]

Continuar lendo