Como promover Voluntariado Empresarial durante a quarentena

Por Samantha Jones, Diretora de Inovação e Relacionamento no V2V

Nesse post, quero compartilhar nossos aprendizados no V2V, depois de dois webinares sobre o voluntariado em tempos de COVID, além de mais de dois meses trocando experiências com os nossos clientes e parceiros e recebendo inputs do mercado.

Dá uma olhadinha no conteúdo, e perceba que são dicas práticas que podem ser replicadas desde já com os púbicos do seu alcance.  

Os públicos mais afetados

Quando o Corona chegou, nem todo mundo teve tempo ou conseguiu se organizar de imediato. Na verdade, a grande maioria não conseguiu! E então, aos poucos, tudo foi (e ainda está) sendo virtualizado para podermos trabalhar e ao mesmo tempo minimizarmos os efeitos do vírus. Apesar de existirem alguns negócios e atividades que já estavam prontos para atuar no digital, muita coisa não havia sido pensada para esse ambiente.

Com as interlocuções que fiz até agora, notei que há cinco grupos que estão entre os mais afetados pela pandemia:

  1. Dependentes químicos;
  2. Populações de rua;
  3. Comunidades de baixa renda/favelas;
  4. Casas de permanência (de asilos, orfanatos aos centros de animais);
  5. Autônomos, micro e pequenos empresários (serviços e comércios locais urbanos e rurais).

Adapte as ações

E há ações que vêm sendo feitas para atender a cada um desses públicos especificamente, e que você pode adaptar ou reproduzir em sua região: seja como uma pessoa física, como um gestor(a) de um programa de voluntariado empresarial, ou de uma OSC.

E quem sabe assim, por meio de uma propagação e exercício dessas práticas, podemos ampliar o atendimento a esses públicos mais vulneráveis em uma área maior de nosso país, que é continental.

Pense com a rede, e não por ela

Porém antes de cada ação, o que os especialistas sugerem é:

  1. Pergunte! Quer dizer, não pressuponha uma solução antes de um diálogo inicial com o público para/com o qual vai trabalhar. Afinal, o que precisam? O que já fazem? Quais as forças e recursos disponíveis?  A máxima do “pergunte o que estão precisando”, segue valendo. Agora mais que nunca! Não leve o que você tem, mas o que eles precisam.
  2. E promova network: Ponha seus contatos em contato :-). Realize pontes. Sim: monte e/ou incite a criação de redes. Isso amplia o aproveitamento dos recursos investidos e evita desperdício.  Um exemplo disso é quando um grupo recebe uma quantidade grande de alimentos com a data de vencimento curta e precisam redistribuir para não perder,  ou no caso de pequenos negócios  que recebem mais pedidos e encomendas do que podem atender.

Exemplo prático: Paraisópolis entregou parte de suas cestas para a Comunidade Vietnan, e a de Jaguaré devolveu roupas em excesso que não iam usar.

Pense global, atue local

“Glocal”: a principal estratégia.

Uma das coisas que mais nos foi dita nesse momento que vivemos foi o poder da estratégia “Glocal”. Ou seja, pensar de modo global e reproduzir localmente, respeitando as particularidades daquele território, tem sido a chave do sucesso.

Há uma empatia maior quando se conhece a realidade em que se atua, como por exemplo quando se conhece o comerciante e a comunidade que vai apoiar.

Veja alguns exemplos de ações que são feitas em outros países, e adaptadas para o local. Você pode estimulá-las entre os colaboradores da sua empresa.

Exemplo 1: Hospedagem de animais de estimação dos profissionais da saúde que estejam em campo

O texto na página desta ação já explica tudo:

“Nossos heróis da saúde (enfermeiros, médicos, motoristas de ambulâncias etc) estarão envolvidos em um dia a dia pesado, com jornadas extensas, talvez nem voltem para suas casas para não contaminar os seus. Alguns não terão com que deixar seus bichinhos de estimação. Que tal receber um na sua casa?

Se esse for seu caso, pode ir trabalhar em paz. Já tive três cachorros na vida, sou apaixonada por eles, estou em casa por vocês, por todos nós e por mim também; então, faça da minha casa casa do seu amigo peludo e pode se dedicar irrestritamente à saúde dos demais”.

Exemplo 2: Divulgação do trabalho de pequenos comerciantes

Nos exemplos abaixo, você vê anúncios de pequenos comerciantes que passaram a fazer delivery para se adaptar ao cenário de quarentena. Os colaboradores da sua empresa podem mapear comerciantes que conheçam em seu bairro ou que ficavam próximo ao seu local de trabalho, e ajudá-los a montar uma estratégia para atenderem por whatsapp entregando em casa. Veja alguns exemplos:

Estimule a participação em ações online de Mentoria e Coaching

Instituições, Associações de Comunidade e Pequenos Negócios podem estar perdidos sobre como gerir suas iniciativas (finanças, marketing, gestão de pessoas e voluntários, jurídico etc) e/ou aproveitar as oportunidades que estão surgindo (programas do governo, isenção de impostos, editais de empresas etc).

Convide seus colaboradores para ajudar! Eles podem usar suas habilidades para concretizar serviços gratuitos como: criar peças de publicidade, revisar um contrato, traduzir um texto etc.

Sobre necessidades e habilidades

O importante é fazer aquilo que o público estiver precisando e que seja esteja na esfera das competências de seus colaboradores. Pode ser um apoio pontual, por um período curto ou longo. Pode-se combinar um modo que funcione para todos os envolvidos.

É importante lembrar que temos que dar transparência e clareza às condições da oferta e que os voluntários devem realizar seus melhores esforços para o cumprimento do que foi combinado, ok?

Abaixo estão algumas ações de porte nacional aberta à participação de todos:

Exemplo 3: Mentoria para entrevistas de emprego

A FESA C.R.O.M.A. é o braço social da FESA Group, empresa de busca e seleção de profissionais, e criou uma ação voluntária nacional de simulação de entrevista online. Que tal estimular os colaboradores da sua empresa a impactar a vida de um jovem sem sair de casa? A simulação de entrevista será realizada com um jovem em vulnerabilidade social indicado pelas ONGs parceiras da FESA C.R.O.M.A.. A entrevista será realizada via vídeo chamada do WhatsApp e o voluntário não precisa ser da área de RH. Para mais detalhes e inscrições, basta clicar aqui.

Exemplo 2: Ações de mentoria pelo desenvolvimento econômico

Exemplo 4: Rede de Mentores do CIEDS para pequenas empresas

Na Rede Mentores, você pode especificar a área que pode apoiar (como gerenciamento de risco, marketing e finanças, em que ramo específico (como moda e gastronomia), e o perfil do empreendedor ou empreendedora com o qual se identifica (seja jovens, negros e negras, LGBTQ+, entre outros), além disso, você pode optar se prefere que o negócio seja de alguma região brasileira específica.

Exemplo 5: Mentoria para jovens pelo Instituto Joule

Qualquer profissional pode compartilhar aprendizados sobre carreira e profissão com jovens em situação de vulnerabilidade social através do programa do Instituto Joule. Os encontros são online e agendados entre mentor e mentorado.

Aulas e Ações Virtuais

Aproveite nesse momento para divulgar seu trabalho, ofertar seu conhecimento disponibilizando em lives ou vídeos gravados aulas sobre temas de seu domínio. As pessoas que estão em casa podem se interessar e precisar justamente da sua contribuição intelectual (para se exercitar, aprender um língua, cozinhar pratos novos, tocar um instrumento etc).

Exemplo 6: Leia para Uma Criança – via WhatsApp

E nessa esteira, também é hora de digitalizar as ações de seu programa. Até ações super renomadas e bem estabelecidas como a “Leia para uma criança” do Itaú encontraram novos caminhos no digital – ainda que já existisse uma parte dela na internet.

Como se vê abaixo, agora se pode pedir e baixar os livros pelo whatsapp, que é uma ferramenta presente em 98% dos telefones no país. Para ter acesso, escreva para o Leia para uma criança via WhatsApp: +55 11 98151-1078.

Exemplo 7: apoio contábil online

Esta ação foi divulgada na rede Sociomotiva e a descrição é a seguinte:

Devido a essa quarentena muito empresários estão sem saber como lidar com funcionarios, impostos, fluxo de caixa entre outros problemas. Então o Lucas Sette, empresario contábil, começou a publicar no  Instagram dicas e estratégias para diminuir o impacto financeiro nesse periodo. Lá ele orienta a todos que precisem. Caso você seja dono de um pequeno negócio ou conheça alguém que precise entrem no instagram https://www.instagram.com/lucas_sette/ e assista os seus vídeos ou fale com ele, ok?

Exemplo 8: Consultoria de comunicação              

“Resolvemos abrir vários horários para CONSULTORIA GRATUITAS E ONLINE e compartilhar um pouco da nossa metodologia com quem tiver interesse. Nossas consultorias serão conversas sinceras e profundas sobre seu negócio e como se posicionar online e melhorar a comunicação com seu cliente”

Movimentos e frentes de apoio

Sua empresa pode ainda investir em frentes, que de modo exponencial trarão soluções para durante e o pós-pandemia.

Portais que reúnam oportunidades, pessoas com o mesmo interesse e/ou necessidade, hackatons e até mesmo editais podem ser um instrumento de muita potencialização de recursos financeiros, humanos e sociais. Veja alguns dos inúmeros exemplos que encontramos e que você pode estimular em sua empresa:

Exemplo 9: Parceiro Magalu

Exemplo 10: Em:Frente

“A solidariedade é o que vai mover o mundo adiante! Está preparado para acolher quem mais precisa neste momento desafiador? Quer ajudar com dicas, apoio psicológico, orientações, indicar caminhos e ferramentas práticas e simples que possam ajudá-lo a atravessar esse momento? Preencha o formulário para ser conectado com iniciativas populares que precisam de você”.

Exemplo 11: SOS Encurralados

Além do SOS Encurralados fazer esse match, nós preparamos uma jornada (detalhada abaixo) que garante a conexão humana que precisamos no momento. Só assim , o mentor poderá realmente entender quais as maiores dores do negócio do empreendedor e as fortalezas pessoais dele. 

Todo o processo terá suporte da equipe do SOS Encurralados, portanto fornecemos para o mentor o material, a equipe de profissionais para tirar dúvidas e muita interação entre todos os mentores para compartilharem experiências.

Exemplo 12: Mining LAB

Iniciativas de empreendedores do mundo inteiro serão identificadas e conectadas para receber um aporte equity free, ou seja, um investimento sem contrapartida societária, para desenvolvimento de projetos capazes de gerar resultados imediatos.

Por meio do Mining Lab Challenge COVID-19 iremos validar e escalar sua solução junto a clientes reais, gerando um impacto positivo para a sociedade no momento em que mais precisamos!

Ações de doação

Já houve muita discussão se isso é ou não voluntariado. Foi um dos assuntos debatidos em nossos webinares (assista aqui e aqui), e também pauta de um post inteirinho em nosso blog aqui.

E a conclusão a que chegamos é que, no cenário atual, e em estados de emergência, essa modalidade é uma das respostas mais imediatas e efetivas às necessidades dos grupos mais vulneráveis.

Se puder, inicie hoje mesmo uma campanha para ajudar a uma instituição, ou grupo que você já apoia, e que está sem meios para seguir os seus trabalhos.

De maneira adicional,  compartilho aqui um vídeo com os principais passos para você se atentar quando for criar, lançar e fomentar uma campanha de doação.

Adote uma causa

Uma das formas de realizar uma campanha de doação é através da ideia de adoção (doação financeira ou arrecadação). Dentro dessa modalidade é possível adotar um asilo, um idoso, uma família, com a doação de sextas básicas ou outros itens por algumas semanas.

Exemplos de ações de doação que você pode implementar com seu time ou sua rede:

Exemplo 13: Adote uma Diarista    

“A comunidade de Paraisópolis, com cerca de 100 mil habitantes no Morumbi- SP, precisa da sua ajuda!
Em virtude do isolamento exigido pelo Coronavírus, boa parte dos profissionais autônomos daqui, portanto sem vínculo empregatício, estão desamparados e sem renda: jardineiros, diaristas, garçons, freelas, etc.

A situação das diaristas ainda é mais complicada, já que elas representam 42,1% do total das trabalhadoras domésticas. Por aqui elas também são muitas e na maioria dos casos são responsáveis pelo sustento de toda a família. Por isso começamos o nosso pedido de ajuda com elas”.

VOCÊ PODE DOAR:

• 1 diária: R$ 150,00
• 4 diárias/mês: 600,00

Exemplo 14: Doe parte do seu IR para inclusão de deficientes visuais

Campanha da Fundação Dorina Nowill para compra de livros em braille e audiolivros.

Exemplo 15: Arrecadação de produtos para grupos vulneráveis específicos

O Parque da Luz, centro de São Paulo, é um ponto de prostituição de mulheres que têm entre 40 e 70 anos de idade. Quase todas pertencem ao grupo de risco do COVID-19. São também mães e avós responsáveis pelo sustento de suas famílias que, raramente, sabem de sua condição. Por vergonha, muitas contam que são domésticas, diaristas, cozinheiras, etc”.

Uma ferramenta que pode ajudar nesse sentido é o V2V Doações, um espaço virtual em que você pode reunir diversas campanhas de arrecadação promovidas pela empresa ou pelos comitês de voluntariado.

Ações de compras de Vouchers

Ação destinada principalmente para autônomos, profissionais liberais, micro e pequenos empresários, que podem ficar desconfortáveis com uma campanha de doação financeira ou arrecadação em seu nome, ou mesmo achar que isso pode trazer prejuízos à imagem do seu negócio. Na verdade é uma ação comercial, com vistas a possibilitar transações ainda nesse momento em que muitos estão parados.

Então que tal criar a opção de clientes comprarem vouchers para consumo futuro quando tudo voltar ao normal? Pedreiros, faxineiras, restaurantes, massagistas podem ser atendidos nessa modalidade. Alguns exemplos:

Exemplo 16: Apoie um restaurante

“Apoie Um Restaurante é um movimento que está beneficiando milhares de restaurantes, bares, cafeterias e confeitarias de todo o Brasil. Agora entramos em uma nova fase, que vai ajudar mais estabelecimentos a passarem por esse momento difícil. Você pode comprar até dois vouchers da mesma categoria ou de categorias diferentes e conta sempre com 50% de desconto. Participe desse movimento. Todos juntos nessa causa”.

Caso eles estejam atendendo e não desejem trabalhar com vouchers, você (ou seu programa de voluntariado) pode simplesmente ajudar a divulgar a nova modalidade (telefone, whats, horário, endereço de retirada, etc) pois muitas pessoas podem não saber como seguir comprando desses negócios locais, mesmo querendo apoiar essa causa.

Exemplo 17: Case da Chocoponto

Essa pequena fábrica da zona sul paulistana fez um apelo sincero e contundente por whatsapp em um grupo de amigos.

A mensagem ultrapassou o grupo de conhecidos, e a demanda que era baixa, passou a ser maior que a capacidade de produção. Esse grupo não estava pronto para essa dimensão de sucesso. Seu celular e computadores travaram. Tiveram que montar um e-commerce em um curto prazo.

E passado o susto do sucesso da ação, eles ainda tiveram a oportunidade de repassar os pedidos não atendidos para outras pequenas empresas de chocolates.

Atenção para esse case (!) pois para mim ele exemplifica um dos grandes ganhos desse momento imposto pela quarentena. Saímos da economia da escassez para a economia da abundância, onde somos um todo, e entendemos que nos afetamos pelo que o outro passa, e que ao colaborar eu ajudo ao todo, inclusive a mim!

E depois de tantas dicas, minhas considerações finais

Bom, e com isso encerro aqui a compilação das principais modalidades que mapeamos sendo implementadas aqui no Brasil nesses últimos dias. Espero com isso inspirar e viabilizar projetos em sua região.

Lembre-se de que a Sociomotiva é um portal aberto para a Sociedade onde participam cidadãos, empresas e OSCs. Seja mais que bem-vindx para publicar sua ação lá! 

+ 2 dicas importantes

Dica 1) Como escolher qual dessas modalidades sua empresa deve adotar e quais públicos e instituições você deve apoiar?

Alinhe com o seu negócio pois fluirá mais naturalmente a movimentação em torno do projeto e atue com públicos e instituições dentro desse segmento, e preferencialmente foque naqueles grupos com os quais vocês já atuavam. Agora é hora de manter o bom trabalho que já se vinha fazendo, e se possível ampliar, mas reduzir, só se sua empresa não puder mais mesmo.

Dica 2) Lembre de tangibilizar. Esse mundo virtual precisa ganhar transparência, corpo. Haverá momentos em que você não terá gente suficiente para isso, mas, sempre que possível:

– Compartilhe os resultados. Isso sempre motivou seus voluntários a continuarem. Agora então, tem ainda mais relevância compartilhar os atingimentos;

– Gere vídeos, fotos para comprovar a ação realizada (atenção para a questão dos direitos de imagens e necessidade de preservar menores);

  • Envie emails, whatsapps ou cartas de agradecimento;
  • Envie um lembrança / presente. Uma foto, um desenho de quem foi beneficiado;
  • Ou simplesmente convide para quando for possível, que venham conhecer vocês assim que tudo isso passar.

Atente que os vínculos criados nesse momento crítico podem florescer mais profundos e duradouros com todos esses cuidados que descrevemos acima. Até por que, todos sempre podemos fazer algo por alguém, e todos precisamos de algum tipo de suporte. Quem atuou em alguma ação também é apoiado ao receber um simples OBRIGADO!

Obrigada e até a próxima!

Tem algum case interessante para publicarmos em nosso blog? Quer mandar alguma sugestão, crítica ou elogio? Envie agora aqui.

Acesse aqui mais materiais gratuitos do V2V que podem apoiar a você e seus comitês.

(Visited 127 times, 5 visits today)
Samantha Jones

Samantha Jones

Sempre focada em trabalhar com novas tecnologias e criar projetos do zero há 19 anos, atualmente é Diretora de Inovação do V2V e ajuda Caixa Econômica, B3, CPFL Energia e outras grandes empresas a desenvolverem seus Programas de Voluntariado através da mobilização de pessoas. Antes foi responsável pela criação da área mobile do UOL e da B2W e junto com sua equipe trouxe resultados irrefutáveis para ambas as empresas. Samantha é Graduada em Propaganda e Marketing pela ESPM/SP e pós-graduada em Publicidade pela ECA/USP.

More Posts

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.